quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

De lés a lés


O bom de sermos de escolas, sítios e por vezes, de distritos diferentes é que cada um conhece de uma forma diferente a noite lisboeta, e sempre que saímos vejo Lisboa de uma outra perspetiva.